Thyago Santos - Mente, Saúde e Corpo em Forma

O exercício físico e os antidepressivos

O exercício físico e os antidepressivos

Estudo mostrou que a adição do exercício físico como tratamento medicamentoso teve efeitos similares aos antidepressivos na diminuição dos sintomas do transtorno depressivo maior. Fora três sessões de 30 minutos por semana, durante quatro meses, entre 70% e 85% da frequência cardíaca máxima(Bluementhal et al. (2007)

É preciso entender que essas respostas positivas podem estar ligadas diretamente a vários fatores, como a resposta do paciente ao tratamento, o tipo de fármaco utilizado, o volume e a intensidade do exercício, entre outros.

Dependendo do caso é uma excelente alternativa a utilização do exercício físico para prevenção e tratamento da depressão obtendo respostas parecidas e até melhores que os antidepressivos.

Fale Conosco